Informações: (98) 3243 2337 | 98802-0407

Adolescentes podem ter cérebro afetado por cafeína

 

CaféA cafeína pode afetar o desenvolvimento do cérebro dos adolescentes, segundo apurou um estudo realizado pela Fundação Nacional de Ciência da Suiça. A instituição financiou a pesquisa por estar preocupada com o excesso de consumo da substância entre crianças e adolescentes, que registrou um aumento de cerca de 70% nos últimos 30 anos.

Segundo os cientistas, crianças e jovens que consomem três xícaras de café, ou três latas de energético ou ainda uma garrafa de cola pode diminuir a quantidade de sono profundo e, consequentemente, prejudicar o desenvolvimento cerebral.

Seres humanos, como também outros mamíferos possuem padrões de sono mais intensos no período da puberdade. É o período em que o cérebro amadurece rapidamente. Só que, segundo experiências realizadas em roedores, os cientistas descobriram que o processo de amadurecimento no cérebro dos mesmos era retardado quando havia o consumo de bebidas contendo cafeína. Segundo descobriram os pesquisadores da Universidade do Hospital Infantil de Zurich, os ratos, no período da puberdade e que ingeriam o equivalente a três a quatro xícaras de café em seres humanos, reduziram o sono profundo e atrasaram o desenvolvimento do cérebro.

Como se sabe o cérebro das crianças é extremamente plástico, devido às muitas conexões. Quando ele inicia o processo de amadurecimento durante a adolescência, grande parte dessas conexões são perdidas. Essa otimização, que provavelmente ocorre no sono profundo, é que torna o cérebro mais poderoso.

Fonte: Por Yasmin BarcellosMSN Notícias

Comments are closed.